20 de Junho de 2021
tema02

Notícias

Prefeitura de Francisco Macedo realiza evento em alusão ao Dia de Combate ao Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes

Na manhã e ontem (18 de maio), dia nacional de combate a violência sexual contra crianças e adolescentes, a Prefeitura de Francisco Macedo, através da Secretaria de Assistência Social, realizou um evento em alusão a campanha ‘Maio Laranja’, data que tem o propósito de alertar a sociedade a identificar, prevenir e combater abusos sexuais infantis.

Os participantes saíram da concentração em frente ao CRAS e percorreram em passeata as principais vias do centro de Francisco Macedo. Diversas pessoas participaram da ação que foi montada em uma tenda em frente à praça Paulo Henrique. O evento foi finalizado com uma apresentação teatral dos jovens integrantes do SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vinculo). As atividades seguiram os protocolos de biossegurança da covid-19, como o uso obrigatório de máscaras.

Prefeitura de Francisco Macedo realiza evento em alusão ao Dia de Combate ao Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes

O dia 18 de maio é determinado oficialmente pela Lei 9.970/2000, em memória à menina Araceli Crespo, de 08 anos de idade, que foi sequestrada, violentada e assassinada nesse dia no ano de 1973.

Esteve presente na ocasião representando o prefeito Adeilson Antão (Novim) o chefe de gabinete Acileide Coutinho. Participaram também o Vice-prefeito Odair Lopes, a Secretária Municipal de Assistência Social, Ana Cláudia dos Santos, o Secretário de Saúde, Adenilson Carvalho, a Secretária de Educação, Reneuda Maria, o presidente da Câmara Municipal, vereador Adonias José, e os vereadores: Maria Rodrigues de Macedo, Paulo Costa, Marciel Silva, Lorena Alencar, Domingos Diniz e Osailton Lopes.

Assistente social, Sara Leal Silva

assistente social Sara Leal Silva contou aos presentes toda a a história por trás do dia 18 de maio e explicou a importância da data:

“O Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos através da Secretaria Nacional dos Direitos das Crianças e Adolescentes lançou a campanha Maio Laranja que busca incentivar a realização de atividades durantes todo o mês para conscientizar, prevenir e orientar a população. E nós aqui, mesmo em pandemia, não poderíamos deixar em branco, fazer algo ainda que pequeno para lembrar a sociedade de Francisco Macedo que nós estamos alertas e atentos ao abuso sexual contra crianças e adolescentes” disse a assistente social.

Secretária de Assistência Social, Ana Cláudia dos Santos

Secretária de Assistência Social Ana Cláudia dos Santos Silva enfatizou a importância da sociedade agir em casos de violência sexual infantil. A titular da pasta fez um apelo para que a população fique atenta aos sinais de violência sexual contra crianças e adolescentes:

“Agradeço a todos vocês que vieram prestigiar esse trabalho tão importante para nossas crianças. Embora seja uma data muito triste, se faz necessário comemoramos esse dia para abrirmos o olho da nossa sociedade que prevê que o Estado, a família e todos em geral devem cuidar e proteger os direitos das nossas crianças, e é isso que estamos fazendo aqui hoje. Queremos dizer a sociedade, que cuide, que prestem atenção, escutem, acreditem nas crianças, observem os sinais e ouçam o grito de socorro das nossas crianças. E muitas vezes, ocorre das crianças serem violentadas por que os seus pais não prestaram atenção. Então essa manifestação nessa manhã, é para pedir a essa população, aos pais que escutem seus filhos, aos professores que escutem os seus alunos, escutem, prestem atenção pois elas estão pedindo socorro. Quero agradecer a Câmara Municipal, ao Conselho Tutelar, a minha equipe de assistência e do CRAS, muito obrigada a todos” Enfatizou a Secretária.

Psicóloga Leyse Barroso Dantas Martins

Psicóloga Leisy Barroso explicou que crianças vítimas de abuso sexual geralmente apresentam alterações comportamentais. A profissional detalhou os tipos de mudanças e pediu que os pais permaneçam atentos:

“Quando a criança passa por algum tipo de abuso ela começa a dar alguns sinais que devemos ficar atentos. Ela começa a sentir medo sem motivo aparente e pânico na frente de determinadas pessoas, começa a ter comportamentos diferentes e a ficar mais isolada, começa a ter problemas no sono, de concentração na escola, e com isso acaba baixando o nível em relação às notas. Então tudo isso tem como ser percebido pelos pais, então por isso é importante esse nível afetivo, para que as crianças possam sentir confiança e possam relatar o que está acontecendo na vida delas. Então se alguém, algum vizinho souber de algo ou presenciar, denunciem, através do disque 100, ou do conselho tutelar, do CRAS. Não hesitem em denunciar” alertou a psicóloga.

As denúncias de violações de direitos das crianças podem ser feitas de forma anônima através do ‘Disque 100’ o usuário disca para o número 100, passa pelo atendimento eletrônico e, após selecionar a opção desejada, é encaminhado ao atendimento humano que registra a ocorrência e a envia aos órgãos de proteção competentes. O serviço funciona diariamente, 24 horas por dia (incluindo sábados, domingos e feriados) e as ligações podem ser feitas gratuitamente de qualquer tipo de aparelho em todo o país.

Chefe de gabinete, Acileide Coutinho

Prefeito de Francisco Macedo Adeílson Antão (Novim) não pode comparecer, devido está cumprindo agenda na capital Teresina. O chefe de gabinete Acileide Coutinho representou o gestor no evento:

“Infelizmente o prefeito Adeilson Antão – Novim, não pode está aqui hoje presente, ele se encontra na capital em busca de melhorias para a cidade. E como foi falado aqui, essa data jamais poderia passar em branco, então a administração se coloca a disposição, nós não podemos aceitar esse tipo de coisa, nem enquanto pais e nem enquanto administradores. Muito obrigado” falou.

Vice-prefeito Odair Lopes

Vice-prefeito Odair Lopes também destacou a importância de conscientizar a sociedade para que se possa proteger às crianças e adolescentes:

“Quero dizer que apesar de estarmos em uma pandemia, e não podermos realizar uma grande programação com aglomerações, mas como já foi colocado não poderíamos passar em branco, e fazer esse trabalho para conscientizar a sociedade de Francisco Macedo sobre a importância de ficarmos atentos para prevenir e combater, denunciando, se cada um fizer a sua parte iremos proteger integralmente as crianças e adolescentes que são o futuro do nosso país” disse o vice-prefeito.

Presidente da Câmara, vereador Adonias José

Presidente da Câmara Municipal, vereador Adonias José, foi firme ao ressaltar que os pais também devem observar com cuidado o uso das redes sociais pelos filhos menores de idade:

“Eu queria falar para vocês que essas ações são muito importantes para nós pais de família, vereadores e representantes da sociedade. Nós não queremos que isso venha acontecer com nenhuma criança e nenhum adolescente, por isso devemos ficar atentos e acompanhar, principalmente nas redes sociais, observar com quem conversam e se estão fazendo o uso indevido. Nós temos essa responsabilidade de ser exemplos e de agir contra a violência” declarou o vereador.

Coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social, Ester

A Coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social, Ester, reafirmou o papel do órgão e frisou que ele está a disposição da população francisco-macedense:

“Apoiamos a causa da prevenção ao abuso sexual contra crianças e adolescentes, justamente através de eventos como esse, e através de palestras e orientações pelas redes sociais. E em casos de denúncia, ou de acompanhamento temos a nossa assistente social e a nossa psicóloga disponíveis para atendê-los. O CRAS está aqui para apoiar e ajudar nessas situações” Disse.

Conselheiro tutelar Edivaldo Ramos

Por fim, o Conselheiro tutelar Edivaldo Ramos reforçou as orientações aos pais. Ele destacou ainda que o papel do Conselho é justamente aplicar medidas de prevenção e agir em casos de violação de direitos:

“Nós do Conselho tutelar de Francisco Macedo apoiamos esta luta, que essa data de hoje seja lembrada todos os dias, todo o dia é dia de combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes, quero aqui pedir o apoio aos pais e responsáveis que fiscalize os filhos de vocês, com quem eles andam, o que eles assiste no celular ou tablet essa responsabilidade é de vocês. Aproveitando oportunidade quero falar um pouco sobre o Conselho tutelar, esse órgão que mesmo sendo insignificante para uns tem a sua importância dentro do município, são duas perguntas e duas respostas que a nossa sociedade precisar saber. O que é um Conselho Tutelar? Quero dizer que o conselho tutelar é um órgão autônomo não jurisdicional encarregado de zelar pelo o cumprimento dos direitos e deveres de crianças e adolescentes neste município. O que faz um Conselho Tutelar? Aplica medidas de proteção sempre que os direitos de crianças e adolescentes forem violados, é um órgão que fiscaliza e cuida dos direitos de crianças e adolescentes. Cuidar de crianças e adolescentes é dever de todos. E os canais de denúncia são o disque 100, Conselho tutelar ou polícia. Lembrar é combater esquecer é permitir” finalizou.

Veja imagens!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

N